Photo of the Day

  • August,23rd,2012 at 12:46 PM

Photo of the Day

  • August,23rd,2012 at 12:26 PM

Photo of the Day

  • August,23rd,2012 at 12:17 PM

Video of the Day

  • April,18th,2012 at 12:35 PM

(Source: not--scared, via toparatu)

Photo of the Day

  • July,8th,2011 at 9:46 AM

(via kyannesmile)

Photo of the Day

  • July,8th,2011 at 9:45 AM


Eu tenho medo que você encontre alguem melhor, e se esqueça de mim.

Eu tenho medo que você encontre alguem melhor, e se esqueça de mim.

(via get-cape-wear-cape-fly)

Photo of the Day

  • July,8th,2011 at 9:45 AM
  • May,20th,2011 at 9:45 PM

É sempre nesse tempo chuvoso que me pego a pensar em você. Não que eu pense em ti só em dias de chuva, mas por que eu olho cada gota caindo do céu e me sinto forte por ter muito menos caindo dos meus olhos. Embora a dor do meu coração sendo tremenda, eu ainda consigo respirar fundo e dizer que tudo está bem. Eu não ligo de ver os outros lá fora felizes, as vezes penso ser injusto eu querer ser feliz sem você. Mas eu assumo que me pergunto como eles conseguem sorrir tanto sem ao menos ter te conhecido, provado da tua essência que ainda que faça tanto tempo que não te vejo, ainda sinto ela gravada em mim. Nunca senti o seu cheiro mas qualquer outro perfume me faz lembrar você. Fazendo minhas analogias e teorias entre o céu e a terra, eu me pergunto o que o céu vê na terra que o faz tão triste a ponto de chover tanto sobre ela. Será que lá de cima ele me vê chorar e chora também? Sempre nas minhas teorias até sem querer eu acabo te colocando como o “meu mundo” e eu dessa vez no lugar do céu. É nesse tempo chuvoso que uma tempestade de sentimentos vem na minha cabeça, e eu só queria que parasse de chover.

  • May,15th,2011 at 9:37 PM

bekenntnis asked: Gostei do seu ultimo texto ^^ (queria ter a sua coragem rs)

Obrigada >< Eu espero conseguir ir com isso até o final.

  • May,15th,2011 at 7:04 PM

E foi assim, no dia 15 de Maio de 2011, que eu desisti de você. Não por amar de menos, nem por amar demais a ponto de te deixar pela tua felicidade. Eu desisto, pelas noites mal dormidas que eu passo sem saber mais o que é amor. Pelas lágrimas que eu derramo ao lembrar do nosso passado e ao saber que ele nunca vai voltar. E é assim, que eu te deixo, não pra trás, como um passado reluzente que as vezes acende meu coração, mas como algo eterno que sempre que lembrado me aquece de tal forma que me faz lembrar que jamais vou amar alguém assim de novo. Eu te deixo, sem te retirar de dentro de mim mas sim te deixando completamente nulo da minha existencia, te levo comigo mais do que nunca, te tenho em mim mais do que tenho qualquer outro sentimento que existir e te deixo querendo arrancar até sua última lembrança que ainda existe de mim em ti. Eu abro mão, da minha felicidade pra te deixar em paz, para que você possa viver livre, sem culpa e sem compromisso comigo, sem precisar fazer coisas que não quer por minha causa. Eu abro mão dos momentos que por mim, são inventados na minha imaginação, eu aceito nesse dia, que eles nunca vão existir. Eu abro mão dos teus beijos e abraços que um dia sonhei receber, eu abro mão do teu sorriso. É assim que eu deixo aquele primeiro amor que não se esquece, é neste dia que eu aceito que nada é pra sempre e que a minha felicidade depende das pequenas coisas já que as grandiosas eu não sou capaz de carregar comigo. É assim que eu te deixo, sabendo que não tive a capacidade de te ter comigo pra sempre, que fui fraca e talvez covarde por não conseguir lutar mais, mas percebo que pra lutar por uma causa, é preciso de companhia, que sozinha eu não chego em lugar algum, e você me deixou, fazendo com que eu me sentisse sozinha sempre, uma total babona que sonha alto e nunca vai conseguir o que quer. É assim que eu te deixo, e deixo a mim mesma, como guardar fotos numa caixinha esquecida lá no porão, sempre lembrando que ela existe, mas com medo de abrir por que sabe que vai doer. Eu te deixo, não querendo te esquecer, mas querendo te guardar em mim como algo bom, antes que tudo o que vivemos vire uma grande tragédia, um pesadelo ou uma lembrança ruim. Desculpe, mas hoje eu percebi que eu não posso ter você, por que meu amor por você é grande demais pra eu levar sozinha a vida inteira.

Profile

"É onde meu coração está"
Marina Corrêa, estudande de Publicidade e Propaganda, Moro em Florianópolis, SC. Não sou escritora nem to aqui pra ficar famosa, só posto todo meu amor através de palavras pro cara que eu sou apaixonada, é.
About You

Ahoy

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Aliquam nisi lorem, pulvinar id, commodo feugiat, vehicula et, mauris. Aliquam mattis porta urna. Maecenas dui neque, rhoncus sed, vehicula vitae, auctor at, nisi. Aenean id massa ut lacus molestie porta. Curabitur sit amet quam id libero suscipit venenatis.

Donec placerat mauris commodo dolor. Nulla tincidunt. Nulla vitae augue. Suspendisse ac pede. Cras tincidunt pretium felis. Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Pellentesque porttitor mi id felis. Maecenas nec augue. Praesent a quam pretium leo congue accumsan.

Links